Bolsa de Terras entra em vigor

2013-06-01

A Portaria que regulamenta a Bolsa Nacional de Terras foi publicada em Diário da República a 28 de maio. O diploma, do Ministério da Agricultura, estabelece as regras e os procedimentos relativos à gestão e ao funcionamento da bolsa de terras para utilização agrícola, florestal e silvopastoril.

 

Através deste mecanismo, serão disponibilizadas para arrendamento, venda ou para outros tipos de cedência terras pertencentes ao Estado, autarquias locais e quaisquer outras entidades públicas ou privadas, e ainda terrenos baldios.

No início estarão disponíveis as terras pertencentes a entidades privadas prevendo-se para breve a disponibilização das terras do Estado.

Estas terras estarão disponíveis para quem as queira explorar, o que poderá ser particularmente importante para os novos agricultores, nomeadamente dos mais jovens.

A principal novidade deste diploma (Portaria n.º 197/2013), que vem regulamentar a Lei 62/2012, prende-se com a isenção por dois anos do pagamento da taxa por custos de gestão para quem colocar terras na bolsa. Estas taxas variam entre os 0,2 por cento no caso da venda dos terrenos e os dois por cento quando estas sejam arrendadas.

A criação desta Bolsa de Terras visa «facilitar o acesso à terra, em particular pelos mais jovens, com total e absoluto respeito pelo direito de propriedade privada, favorecendo assim o aumento da produção nacional nos setores agrícola, florestal e silvopastorial».

A entidade gestora da Bolsa de Terras é a Direcção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural (DGADR), que poderá associar ao seu trabalho outras entidades consideradas idóneas, nomeadamente, as direções regionais, associações de agricultores ou produtores florestais e cooperativas agrícolas.

 

Saiba mais em http://bolsadeterras.dgadr.pt


Terra Viva 2019


I14-TERRAXVIVA.JPG

A 3.ª edição do programa Terra Viva da Antena da TSF deu voz e ouvidos a 54 promotores e promotoras de projetos, beneficiários da Medida LEADER do PDR2020 através dos Grupos de Ação Local do Continente, entre os dias 3 de junho e 9 de julho de 2019.

ELARD

 

I19-BOTXXOXFMTXPRESIDENCIA.JPG

 

A ELARD, constituída por redes nacionais de desenvolvimento rural, congrega Grupos de Ação Local gestores do LEADER/DLBC de 26 países europeus. A MINHA TERRA foi presidente da ELARD no biénio 2018-2019.

54 Projetos LEADER 2014-2020

 
I2-54XPROJETOS.JPG

Repertório de projetos relevantes e replicáveis apoiados no âmbito da Medida 10 LEADER do Programa de Desenvolvimento Rural 2020 elaborado pela Federação Minha Terra.

Cooperação LEADER


Edição da Direção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural e Federação Minha Terra, publicada no âmbito do projeto “Territórios em Rede II”, com o apoio do Programa para a Rede Rural Nacional.






Agenda

Workshop “Novas oportunidades na cultura do medronheiro – da produção ao consumo”

2023-02-17, Escola Profissional Cândido Guerreiro, Alte (Loulé)

26.º Seminário Europeu sobre Extensão Educativa

2023-07-10 a 2023-07-13, Toulouse, França

Receitas e Sabores dos Territórios Rurais

 

 I15-LIVROX7MG.JPG 

O livro “Receitas e Sabores dos Territórios Rurais”, editado pela Federação Minha Terra, compila e ilustra 245 receitas da gastronomia local de 40 territórios rurais, do Entre Douro e Minho ao Algarve.





[ETAPA RACIONAL ER4WST V:MINHATERRA.PT.5]